Palmeiras leva gol, mas vence Cruzeiro no Palestra Itália e abre vantagem

Foto de Djalma Vassão - Gazeta Press
Gazeta Press - William Correia - São Paulo, SP

O palmeirense veio ao Palestra Itália nesta quarta-feira com a esperança de ver o seu Verdão não ter suas redes balançadas, já que gol fora de casa é critério de desempate na Copa do Brasil. Acabou assistindo ao seu time vestindo azul, mesmo enfrentando o celeste Cruzeiro, e a mais um gol levado por Fernando Prass, mas sai do estádio com a vantagem de ter vencido por 2 a 1.

No jogo de volta, marcado para as 22 horas (de Brasília) da próxima quarta-feira, no Mineirão, para ir às quartas de final da Copa do Brasil, o Palmeiras pode empatar ou até perder por um gol de diferença, contanto que balance as redes adversárias mais de uma vez. Ao Cruzeiro, vitória por 1 a 0 ou por mais de um gol de diferença garante a classificação. Triunfo mineiro por 2 a 1 leva a decisão para os pênaltis.

No primeiro duelo, nesta quarta-feira, o Palmeiras cumpriu a meta de abrir o placar cedo, com Cleiton Xavier aproveitando bela assistência de Barrios, aos sete. Mas o time não convenceu de novo e manteve a rotina de ficar olhando a troca de passes do rival e o Cruzeiro empatou aos quatro minutos do segundo tempo. O Verdão, porém, acordou e fez 2 a 1 com Rafael Marques, aos 17. Sob tensão, os donos da casa conseguiram manter o placar.

Os dois times voltam a campo no domingo, pelo Campeonato Brasileiro. Em quinto lugar, a um ponto da zona de classificação para a Libertadores, o Palmeiras enfrenta o Atlético-MG no Independência, em Belo Horizonte, às 18h30. Às 16 horas, diante do Corinthians, em Itaquera, o Cruzeiro tenta se afastar da faixa de rebaixamento – está a três pontos, na 14ª colocação.

Foto de Djalma Vassão - Gazeta Press

O jogo – O Palmeiras cumpriu com perfeição a ordem de abrir logo o placar. Marcelo Oliveira optou por preencher seu meio-campo, com Arouca, Andrei e Zé Roberto, com Cleiton Xavier na armação e Dudu solto para ter Barrios como referência, substituindo Alecsandro, impedido de jogar na Copa do Brasil por já ter atuado na competição pelo Flamengo.

Com essa estratégia, o placar foi aberto antes de o Cruzeiro entender o posicionamento adversário. Aos sete minutos, Egídio tocou da intermediária para Barrios, que deixou de primeira, dando um passe perfeito para Cleiton Xavier se aproximar da pequena área completamente livre e bater por baixo das pernas do goleiro Fábio. O Verdão, vestindo o azul que caracteriza o adversário, podia respirar aliviado.

A alegria já era grande na torcida, que não gosta de Vanderlei Luxemburgo e viu o técnico machucar a mão após se chocar com Dudu, que teve o nome gritado como se tivesse marcado um gol. Mas o lance bizarro só encobriu, momentaneamente, as deficiências do time de Marcelo Oliveira sem Gabriel, que operou o joelho esquerdo e não joga mais neste ano.

Como o Flamengo já tinha feito no domingo, o Cruzeiro ocupava o campo defensivo do Palmeiras como queria, trocando passes, adiantando seus volantes. Andrei Girotto, mais uma vez, não mostrou características para ser chamado de volante, não alcançando nenhum adversário.

O Verdão só parava seu rival com faltas, dando trabalho a Fernando Prass, que cortava cruzamentos e executou boa defesa em chute de Fabrício, aos 19. Cinco minutos depois, foi a vez de Leandro Damião abrir espaço como quis até bater rente à trave do goleiro. A situação que já era ruim piorou quando Arouca precisou substituído por dores na coxa esquerda.

Marcelo Oliveira mandou Amaral aquecer, preocupado com a marcação, mas ouviu o próprio Arouca e seu auxiliar Tico dos Santos. Preferiu colocar Rafael Marques, na esperança de tirar o Cruzeiro do seu campo e tentar tirar de Dudu a missão solitária de ser o desafogo do time. Mas o Palmeiras seguia vendo a equipe mineira tocar a bola e precisou de outra defesa de Prass, em chute de Charles, para não sofrer o empate antes do intervalo.

O Verdão, porém, não mudou sua postura, e a Raposa voltou rapidamente do vestiário entendendo que poderia ser ainda mais incisiva. Virou rotina ver jogadores do Cruzeiro passando nas costas da defesa palmeirense até que, aos quatro minutos, Leandro Damião recebeu de Fabrício e balançou as redes. Como todos já esperavam no Palestra Itália.

Mesmo sem dominar o meio-campo, Marcelo Oliveira resolveu ouvir a torcida, trocando Barrios, que pouco tocou na bola além da assistência no gol de Cleiton Xavier, e apostou em Cristaldo, talismã da equipe. Mas quem entrou no jogo foi Rafael Marques, que passou a procurar a bola.

O Cruzeiro diminuiu seu ritmo e fez o time azul, o Palmeiras nesta noite, entrar em seu campo, dando utilidade aos seus atletas ofensivos. Zé Roberto teve menos trabalho para marcar, comandou a saída de bola e, rapidamente, o gol saiu. Aos 17, o veterano rolou para Dudu cruzar da direita com perfeição, na cabeça de Rafael Marques, que fez 2 a 1.

O Cruzeiro não passou mais tanto tempo no ataque, mesmo com a entrada do meia Arrascaeta, e Marcelo Oliveira ampliou sua marcação trocando Cleiton Xavier por Amaral. Não diminuiu a emoção do confronto, já que os dois times perderam uma série de chances. Mas a vitória, nesta noite, foi palmeirense.

Foto de Djalma Vassão - Gazeta Press

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 2 X 1 CRUZEIRO

Local: Estádio Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 19 de agosto de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Público: 24.889 pagantes
Renda: R$ 1.621.115,00
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa-SC) e Rafael da Silva Alves (RS)
Cartões amarelos: Zé Roberto (Palmeiras); Fabrício (Cruzeiro)

Gols:
PALMEIRAS: Cleiton Xavier, aos sete minutos do primeiro tempo; Rafael Marques, aos 17 minutos do segundo tempo
CRUZEIRO: Leandro Damião, aos quatro minutos do segundo tempo

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Jackson, Vitor Hugo e Egídio; Andrei, Arouca (Rafael Marques), Zé Roberto e Cleiton Xavier (Amaral); Dudu e Barrios (Cristaldo)
Técnico: Marcelo Oliveira

CRUZEIRO: Fábio; Mayke, Manoel, Paulo André e Mena; Henrique, Charles (Ariel Cabral), Fabrício e Alisson (Arrascaeta); Marquinhos (Vinícius Araújo) e Leandro Damião
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

COMENTÁRIOS

Nome

ABC,1,América-MG,9,América-RN,1,Atlético-GO,4,Atlético-MG,67,Atlético-PR,51,Avaí,39,Bahia,8,Barcelona,1,Boa Esporte,2,Botafogo,48,Bragantino,2,Brasil,48,Brasil de Pelotas,1,Brasileirão 2015,162,Brasileirão 2016,10,Brasília,7,Caldense,3,Campeonato Brasileiro Série A,427,Campeonato Brasileiro Série B,23,Campinense,1,CBF,34,Ceará,9,Champions League,37,Chapecoense,55,Chile,1,Cobresal-CHI,1,Colo-Colo-CHI,4,Copa América,4,Copa das Confederações,9,Copa do Brasil,97,Copa do Brasil 2015,36,Copa do Brasil 2017,6,Copa do Mundo,4,Copa Flórida,5,Copa Libertadores da América,30,Copa Sul-Americana,34,Copa Sul-Minas-Rio,13,Corinthians,106,Coritiba,48,CRB,1,Criciúma,6,Crônicas,98,Cruzeiro,65,Desportivo Capiatá-PAR,1,Destaques,1,Eibar,1,Eliminatórias Copa 2018,2,Estaduais 2010,27,Estaduais 2011,16,Estaduais 2012,2,Estaduais 2017,2,Europa League,6,FIFA,18,Figueirense,55,Flamengo,114,Fluminense,70,Fórmula 1,1,Futebol Internacional,215,Genoa,1,Globo FC,2,Goiás,37,Grêmio,68,Humor,14,Huracán,2,Independiente del Valle-EQU,1,Internacional,80,Ituano,7,Joinville,47,LDU Quito-EQU,1,Libertad,2,Libertadores 2015,5,Libertadores 2016,8,Libertadores 2017,5,Londrina,2,Luverdense,1,Macaé,1,Melgar-PER,1,Millonarios-COL,4,Mogi Mirim,4,Moto Club,3,Náutico,1,Noticias,943,Oeste,2,Olimpia-PAR,3,Outros Esportes,10,Palmeiras,95,Paraná,4,Paulista 2017,1,Paysandu,10,Ponte Preta,43,Primeira Liga,10,Primeira Liga 2017,12,Princesa dos Solimões,2,River Plate,2,River Plate-URU,1,Roma,1,Sampaio Corrêa,1,Santa Cruz,6,Santa Fe-COL,1,Santos,76,Santos-AP,3,São Paulo,77,Sport,48,Sportivo Luqueño,2,Sul-Americana 2015,22,Super Cup,1,Superclássico das Américas,1,The Strongest-BOL,1,Toluca-MEX,1,Transferências,18,Uefa,1,Vasco,99,Venezuela,1,Víni Cassela,1,Vitória,3,Volta Redonda,2,
ltr
item
FuteAki: Palmeiras leva gol, mas vence Cruzeiro no Palestra Itália e abre vantagem
Palmeiras leva gol, mas vence Cruzeiro no Palestra Itália e abre vantagem
O palmeirense veio ao Palestra Itália nesta quarta-feira com a esperança de ver o seu Verdão não ter suas redes balançadas, já que gol fora de casa é critério de desempate na Copa do Brasil. Acabou assistindo ao seu time vestindo azul, mesmo enfrentando o celeste Cruzeiro, e a mais um gol levado por Fernando Prass, mas sai do estádio com a vantagem de ter vencido por 2 a 1.
http://2.bp.blogspot.com/-RCVJT_0HIc0/VdVwLLhmF9I/AAAAAAAAEAo/glKhqcO7MTU/s640/01%2BFoto%2Bde%2BDjalma%2BVass%25C3%25A3o%2B-%2BGazeta%2BPress.jpg
http://2.bp.blogspot.com/-RCVJT_0HIc0/VdVwLLhmF9I/AAAAAAAAEAo/glKhqcO7MTU/s72-c/01%2BFoto%2Bde%2BDjalma%2BVass%25C3%25A3o%2B-%2BGazeta%2BPress.jpg
FuteAki
http://www.futeaki.com.br/2015/08/palmeiras-leva-gol-mas-vence-cruzeiro.html
http://www.futeaki.com.br/
http://www.futeaki.com.br/
http://www.futeaki.com.br/2015/08/palmeiras-leva-gol-mas-vence-cruzeiro.html
true
8560738132484122062
UTF-8
Carregar todos os posts Não foi encontrada nenhuma postagem VER TUDO Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver tudo POSTAGENS RELACIONADAS MARCADORES ARQUIVO PESQUISAR TODOS AS POSTAGENS Não foi encontrada nenhuma postagem de acordo com sua requisição Voltar ao Início Domingo Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais que 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É EXCLUSIVO Por favor, compartilhe para desbloquear Copiar todo código Selecionar todo código Todos os códigos foram copiados Não foram copiado os códigos